quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010


Recorrente duvida
Talvez como “Hamlet”...
Dia e noite
A busca no vazio...
Experimentando respostas
Inconceptas e vagas...
Inconsistente teoria
Divaga no enigma...
O óbvio ou incompreendido?
Perdão “The Bard” só um pobre mortal.

Um comentário:

  1. Meu amigo
    Lindo e muito profundo teu poema
    Adorei

    Beijinhos
    Sonhadora

    ResponderExcluir