segunda-feira, 9 de agosto de 2010

"Voando, eu jamais pensei que aprenderia assim"


Muito tempo procurando,
Meu olhar disperso no infinito.
Esperando um encontro...
Deixa-me... Resignar-me!
Assim cansado...
No desconhecido tropecei...
Suspirando te perdi,
Assim que toquei...
Mas, como esquecer?
Mesmo ignorado,
No amor encarcerado,
Nas lembranças te acharei...

2 comentários:

  1. Muito muito obrigado pelo seu carinho no meu cantinho!

    ResponderExcluir
  2. E eu que queria aprender a voar? Abçs!

    ResponderExcluir